Ubatuba fica localizado no litoral norte, a 250 km de São Paulo (SP) e conta com mais de 100 praias. Algumas das praias possuem acesso apenas por trilhas, o que é muito interessante para aqueles aventureiros que gostam de curtir a natureza. Eu e o Elio, do blog Expediçao Andando por Aí e Embaixadores da CURTLO, já tínhamos feito a trilha das Praias Desertas (entre Caraguatatuba e Ubatuba) há alguns anos e dessa vez resolvemos conhecer a Trilha das 7 Praias.

Essa trilha, ou melhor, essa travessia (já que seu início e fim são em locais distintos) é uma das mais procuradas na região devido a beleza de suas enseadas e pequenas praias. Tem duração de um dia, cerca de 4 a 6 horas de caminhada, com paradas para banho, delicioso almoço em uma comunidade caiçara e muita natureza para desbravar.

 A travessia começa na praia da Lagoinha, dentro de um condomínio fechado e segue rumo norte até a praia da Fortaleza, cerca de 10 km. Boa parte do trajeto é fácil, sendo os últimos 2 km os mais cansativos, onde entramos efetivamente na Mata Atlântica e sobe-se um morro um pouco mais íngreme.

 A trilha está bem sinalizada e pode-se fazer solo, sem auxilio de um guia. Mas, como a logística é um pouco difícil, já que o início e o fim da trilha ficam distantes, ir com um guia que negocia um transfer de um ponto a outro, pode ser interessante. Para os mais aventureiros, tem-se a opção de voltar de barco ou ônibus de linha.

 As 7 praias que você conhece pelo caminho, são as seguintes: Lagoinha, Oeste, Peres, Bonete (onde há local para almoçar), do Deserto, Cedro do Sul e Fortaleza. Ainda pode-se visitar o Pontão, lindo local para relaxar, curtir a força dos ventos e dependendo do horário, ver um maravilhoso pôr do Sol.

 Na trilha há poucos pontos de água, por isso leve pelo menos 2 litros com você. A CURTLO tem uma ótima opção para você levar sua água, o sistema de hidratação ACQUA FLEX 3L. Ele pode ser acoplado em uma mochila de ataque, como a TRAIL LITE 14L, que auxilia você carregar seus pertences, lanches e protetor solar.

 Boa parte do caminho é sob o sol, então usar roupas confortáveis e respiráveis (bem como com proteção UV) é essencial. Use camisetas manga longa, calças de tecido fino, chapéus ou bonés e botas de trekking. O uso de um bastão de caminhada é opcional, mas ajuda muito nas subidas e descidas. A CURTLO tem ótimas opções de camisetas (ACTIVE FRESH), calças (CALÇA-BERMUDA TRAIL EC50+) e chapéus (CHAPÉU TRAIL EC50+) com proteção UV e respiráveis.

 O que mais impressiona nessa travessia é a cor da água do mar e a limpeza da trilha. A trilha é pública, não faz parte de nenhum parque, não tem pessoas pagas para manter a limpeza e mesmo assim se vê pouco a nenhum lixo pelo caminho. Isso reforça que as pessoas estão mais conscientes e trazem todo seu lixo de volta, deixando apenas seus passos e suor para trás.

 Enfim, é um destino pertinho de São Paulo, fácil para iniciantes no mundo outdoor e apaixonados pela natureza. E se você tem alguma dúvida sobre essa trilha, basta deixar nos comentários que responderemos.

Bom, eu vou ficando por aqui, mas a gente se vê andando por aí. Grande abraço!

Carla Nogueira – Blog Expedição Andando por aí.